RESULTADOS DA EDIÇÃO DE 2020

O Instituto Cyrela agradece a todas as 62 organizações sociais, que inscreveram 78 projetos, por participarem da 6ª edição do Programa RenovAção.

Estamos diante de um cenário extremamente complicado e desafiador em decorrência dos efeitos do COVID-19 na nossa sociedade, o que nos motivou a implementar várias adequações nesta edição. Queremos que todos saibam que foi e está sendo um aprendizado para nós também, por isso fazemos questão reforçar o nosso muito obrigado e respeito por estarem conosco nesta edição e pelas considerações realizadas. 

  • 62 organizações inscreveram o total de 78 projetos;

  • Foram selecionados 31 projetos após a primeira etapa de análise;

  • As bancas de seleção aprovaram para a votação final, a ser realizada pelos colaboradores da Cyrela, 17 projetos de organizações localizadas em Porto Alegre (RS), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP);

  • Divulgaremos aqui os projetos eleitos como vencedores após essa votação;

  • O processo está seguindo conforme o cronograma publicado no regulamento.

CONHEÇA OS PROJETOS PREMIADOS

PORTO ALEGRE (RS)
1) Organização: Associação Saúde Criança Porto Alegre

Objetivo do projeto: qualificar e ampliar os atendimentos prestados às crianças e adolescentes assistidos e suas famílias, por meio do investimento na infraestrutura, comunicação e recursos humanos da instituição.

Público-alvo: crianças e adolescentes em vulnerabilidade social, com situação de doença crônica no núcleo familiar.

Quantidade de beneficiários: 72

2) Organização: Banco de Alimentos do Rio Grande do Sul

Objetivo do projeto: reformar duas câmaras frias do Banco de Alimentos de Porto Alegre, realizando a modernização dos espaços de refrigeração que mantém a temperatura dos alimentos.

Público-alvo: estoquistas e entidades com a doação de alimentos refrigerados e congelados.

Quantidade de beneficiários: 212

RIO DE JANEIRO (RJ)
1) Organização: Associação Nagai

Objetivo do projeto: manter uma verba emergencial que possa subsidiar a compra de cestas básicas e kits de higiene para atendimento das famílias mais impactadas e que permita, também, suprir eventualmente a necessidade de alguns alunos que estão com dificuldade de acesso à internet.

Público-alvo: crianças, adolescentes e jovens, em sua maioria alunos da rede pública de ensino, que vivem em situação de vulnerabilidade social, moradores do Complexo do Alemão e arredores.

Quantidade de beneficiários: 150

2) Organização: Centro Dia Santa Ana

Objetivo do projeto: investir em manutenção da equipe existente e em novos profissionais que possam colaborar na comunicação externa (site, Facebook, e outros), na captação de mais recursos financeiros, os quais vem sendo reduzidos antes e durante a pandemia.

Público-alvo: idosos, além das crianças e adolescentes, pois são aliados para a integração intergeracional e multiplicação de ações preventivas.

Quantidade de beneficiários: 100

SÃO PAULO (SP)
1) Organização: Associação Prato Cheio

Objetivo do projeto: promover o acesso à alimentação adequada para pessoas em situação de vulnerabilidade e risco social, por meio do combate ao desperdício de alimentos.

Público-alvo: crianças e adolescentes que vivem em abrigos, que passam o dia em núcleos de convivência, pessoas em situação de rua, imigrantes em situação de vulnerabilidade, pessoas em tratamento de saúde, mulheres vítimas de violência, jovens e adultos que prestam serviço social.

Quantidade de beneficiários: 16573

2) Organização: Centro de Convivência Santa Doroteia

Objetivo do projeto: atender e combater as urgências internas criadas pela pandemia do COVID-19 e proporcionar segurança às famílias atendidas pela instituição, oferecendo cestas básicas, produtos de higiene e equipamentos de proteção para os funcionários que estão na linha de frente. 

Público-alvo: crianças, adolescentes e famílias em situação de vulnerabilidade da periferia sul do bairro do Grajaú de São Paulo.

Quantidade de beneficiários: 226